Atendimento humanizado no serviço de saúde: Saiba como identificar

Foto com quatro pessoas. À direita, duas enfermeiras estão em pé, com uniforme azul, máscara e toca de cabelo, em atividade de controle de ansiedade e respiração. À esquerda, dois pacientes do Hospital de Campanha do Hangar, em Belém, participam da ação, de atendimento humanizado no serviço de saúde.
Você sabe o que é atendimento humanizado no serviço de saúde e por que essa prática é tão importante para os pacientes? Saiba mais sobre o tema para celebrar o Dia Nacional da Humanização. (Foto: Divulgação/Pró-saúde)

A humanização nas unidades de saúde promove o cuidado atento e individualizado, para além dos diagnósticos e doenças.

Em 9 de junho, celebramos o Dia Nacional da Humanização, uma data importante para refletir sobre a importância de promover a dignidade e o respeito nas relações humanas. Neste dia, destacamos a necessidade de reconhecer a dignidade e o valor de cada pessoa, independentemente de sua origem, gênero, orientação sexual, etnia ou qualquer outra característica que nos diferencie. 

Neste artigo, enfatizamos o papel crucial da humanização na construção de uma sociedade mais justa e igualitária, através do cuidado com as pessoas que utilizam o Sistema Único de Saúde (SUS) e outros serviços de saúde.

Índice do conteúdo


Boa leitura!

Publicidade

A humanização nas unidades de saúde no Brasil

Humanizar a saúde pública é um processo contínuo e desafiador que envolve a participação ativa de gestores, trabalhadores e usuários do sistema de saúde. Mas ela é extremamente importante porque coloca as pessoas no centro do processo de cuidado. Isso significa valorizar e respeitar as pessoas envolvidas no sistema de saúde e promover a comunicação e a participação ativa desses grupos na gestão e produção de saúde.

Ao promover a humanização na saúde pública, é possível melhorar a qualidade do atendimento, aumentar a satisfação de pessoas pacientes e trabalhadoras e promover a equidade no acesso aos serviços de saúde. Isso pode levar a melhores resultados em saúde e a um sistema de saúde mais justo e eficiente.

Entretanto, a realidade da humanização nas unidades de saúde em todo o Brasil é complexa e varia de acordo com a região e o contexto local. Embora existam muitos esforços em andamento para promover a humanização na saúde pública, ainda há desafios a serem enfrentados e muito trabalho a ser feito para garantir que a humanização seja uma realidade em todas as unidades de saúde do país.

O que é atendimento humanizado no serviço de saúde?

O atendimento humanizado significa realizar o encontro de técnicas assistenciais aliadas ao olhar empático e integral, considerando a complexidade e a individualidade do paciente.

“A prática humanizada vai além do atendimento e cuidado gentil, ou uma conduta educada com o paciente. Humanizar o atendimento está diretamente relacionado ao cumprimento de direitos — tanto do paciente, quanto dos profissionais em atividade”, ensina René Padovani, psicólogo e coordenador corporativo de Filantropia da Pró-Saúde, uma das maiores gestoras de serviços hospitalares do país .

Padovani explica que o atendimento humanizado envolve “a garantia do atendimento acolhedor e integral, a valorização do trabalhador da saúde, a promoção de gestão participativa — incluindo a família do doente — e o incentivo a ações humanizadas durante todo o período de reabilitação”.

“Na Pró-Saúde, para garantir a humanização, criamos uma política institucional que orienta, por meio de diretrizes, sobre como essa prática deve acontecer”, afirma o coordenador de Filantropia.

Publicidade

O que é a Política Nacional de Humanização - HumanizaSUS?

A Política Nacional de Humanização (PNH) foi criada em 2003 pelo Ministério da Saúde como uma política pública para implementar os princípios do SUS nas práticas diárias de atenção e gestão. Ela é baseada nas diretrizes estabelecidas na Constituição Federal de 1988 e regulamentados pela Lei nº 8.080/1990  e pela Lei nº 8.142/1990 . Essas leis estabelecem o arcabouço legal para o SUS e fornecem a base para políticas públicas como a PNH. 

Nessas duas décadas desde a sua criação, a Política Nacional de Humanização busca compartilhar uma série de diretrizes voltadas para estimular e incentivar a prática humanizada em todas as unidades de saúde.

Foto de diversas pessoas com sobreposição do nome Humaniza SUS.
Descrição da imagem #PraGeralVer: Colagem de fotos de diversas pessoas, de diferentes idades e gêneros, com sobreposição do nome Humaniza SUS e o logo estilizado do SUS, na cor verde, com a palavra Humaniza, na cor laranja. (Foto: Reprodução. Créditos: Ministério da Saúde)

Segundo o Ministério da Saúde, a PNH é implementada e aprimorada no dia a dia dos serviços de saúde por meio de cursos e oficinas de formação e intervenção. Durante esses processos, as diretrizes e dispositivos da PNH são vivenciados e reinventados em todo o Brasil.

Profissionais de saúde recebem capacitação técnica e política, sendo reconhecidos como multiplicadores e apoiadores da PNH, desempenhando um papel fundamental na construção de novas realidades em saúde e podendo se tornar futuros formadores da PNH em suas respectivas localidades.

Como identificar a humanização em unidades de saúde?

De acordo com especialistas, o tratamento humanizado é considerado hoje essencial para o cuidado com o paciente, uma vez que garante o atendimento adequado às suas necessidades, facilita o processo de reabilitação, cria espaços saudáveis e gera melhorias para a unidade de saúde.

  • Classificação de risco seguida de orientações para atendimento;
  • Esclarecimento de dúvidas do paciente e/ou acompanhante;
  • Informação clara e atenciosa sobre todos os procedimentos que serão realizados dentro da unidade;
  • Linha de cuidado deve considerar histórico sociocultural do paciente;
  • Principais informações disponíveis logo na admissão;
  • Respeito às especificidades do paciente e familiares no cuidado diário hospitalar;
  • Sinalização interna clara, objetiva e eficiente.

Quer saber mais? Baixe gratuitamente um e-book sobre a humanização do atendimento criado pela Pró-Saúde no link . Mais informações sobre a Política Nacional de Humanização – Humaniza SUS podem ser encontradas no site do Ministério da Saúde no link . Conheça também o portal da Rede Humaniza SUS no link .

Jornalista Inclusivo
Jornalista Inclusivo

Da Equipe de Redação

Deixe um comentário