fbpx

Fórum Nacional Responsabilize-se é na quarta (10)

Mockup notebook - site do Governo Federal - Fórum Nacional Responsabilize-se
Descrição da imagem #PraCegoVer: O texto “Fórum Nacional Responsabilize-se é nessa quarta (10)” é ilustrado pela fotografia de um computador acessando o site do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH). Na tela aparece o título: Fórum vai debater políticas públicas de direitos humanos para as empresas. No canto da tela do notebook está o intérprete virtual Vlibras. Duas mãos de pele branca digitam no teclado. Créditos: Designed by rawpixel.com/Freepik/Edição JI

Programação do Responsabilize-se discute direitos humanos em contexto empresarial

Debate vai considerar princípios e diretrizes da ONU e da OCDE sobre conduta empresarial responsável, com transmissão online do 1º Fórum Nacional Responsabilize-se

Revelada no início desse mês de março, a programação do 1º Fórum Nacional Responsabilize-se traz uma série de debates sobre as diretrizes e os princípios para os direitos humanos no âmbito empresarial, nesta quarta-feira (10).

Organizado pela Secretaria Nacional de Proteção Global (SNPG), do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), o evento levará em conta orientações da Organização das Nações Unidas (ONU) e da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE 

A abertura do Fórum, que será transmitido online pelas redes sociais do MMFDH, contará com a presença da ministra Damares Alves e da titular da SNPG, Mariana Neris.

Conforme primeiro comunicado à imprensa, o “documento deve trazer diversas abordagens sobre a temática para tratar da responsabilidade solidária e compartilhada entre Estado, empresas e sociedade na defesa de direitos e no enfrentamento a violações de todos os tipos”.

Durante o evento, especialistas vão refletir sobre o tema e debater conceitos de direitos humanos relacionados a empresas. A programação conta com as seguintes apresentações:

  • Política de Direitos Humanos e Empresas no Brasil;
  • As Diretrizes da para a Conduta Empresarial Responsável no Brasil;
  • Empresas e Direitos Humanos: Os Princípios Orientadores;
  • Os Desafios e Oportunidades para a Implementação dos Princípios Orientadores da ONU.

Segundo a secretária nacional de proteção global, Mariana Neris, o respeito aos direitos humanos é de extrema importância para um ambiente corporativo. “Nós precisamos levar os princípios de direitos humanos para todos os ambientes, incluindo as relações dentro das empresas e fora delas, junto às comunidades e à sociedade. Os direitos humanos são para todos, em qualquer lugar”, afirma.

“Queremos que toda a sociedade se envolva na efetivação dos direitos humanos, e as empresas têm um papel central nisso. Elas podem impulsionar a promoção dos direitos e zelar para que sua atuação não gere prejuízos para pessoas, comunidades, meio-ambiente”, defende Mariana Neris.

Imagem sobre diversidade ilustra Fórum Nacional Responsabilize-se

Descrição da imagem #PraCegoVer: Fotografia mostra uma roda de grupo com seis pessoas. São homens e mulheres, brancos e pretos, além de uma pessoa com deficiência em cadeira de rodas. Eles estão com os braços esticados para o centro da roda, com uma mão em cima da outra, como forma de comemoração. Créditos: Business photo created by peoplecreations – www.freepik.com

Entre os palestrantes, estão o diretor de Proteção e Defesa dos Direitos Humanos da SNPG, Herbert Barros; o subsecretário de Investimentos Estrangeiros da Secretaria Executiva da Câmara de Comércio Exterior, do Ministério da Economia (PCN/CAMEX/ME), Márcio Luiz de Lima; a assessora de Direitos Humanos nas Nações Unidas (ONU), Angela Pires Terto; e a diretora do Centro de Direitos Humanos e Empresas (CDHeE) da Fundação Getúlio Vargas (FGV) em São Paulo, Flávia Scabin.

Campanha

O evento faz parte da campanha Responsabilize-se, lançada pelo MMFDH no dia 10 de fevereiro. O objetivo é mobilizar as empresas e multinacionais a assumirem um compromisso pelo respeito aos direitos humanos e pela adoção de políticas e condutas empresariais responsáveis.

A campanha é uma iniciativa da SNPG, do MMFDH, com o apoio do Ponto de Contato Nacional da OCDE, da Secretaria-Executiva da Câmara de Comércio Exterior do Ministério da Economia.

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE 

Diretrizes

Em 2011, o Conselho de Direitos Humanos da ONU aprovou os Princípios Orientadores sobre Empresas e Direitos Humanos. Estes, são constituídos por três pilares: o papel do Estado na proteção dos direitos humanos, a responsabilidade das empresas de respeitar os direitos humanos, e o papel que ambos, Estado e empresas, têm na reparação de direitos em situação de violação.

No Brasil, o Decreto nº 9.571/2018 estabeleceu as diretrizes nacionais sobre empresas e direitos humanos e representou um marco no compromisso governamental para a proteção e a defesa dos direitos humanos no ambiente empresarial.

Para saber mais informações acesse o site www.gov.br:  Fórum Nacional Responsabilize-se .

SERVIÇO:

O que: 1º Fórum Nacional Responsabilize-se
Quando: 10 de março de 2021, às 17h00
Onde: Redes sociais do MMFDH (@mdhbrasil)

Para dúvidas e mais informações:
gab.snpg@mdh.gov.br

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Jornalista Inclusivo

Jornalista Inclusivo

Da Equipe de Redação JI
Editor responsável (MTB: 0089466/SP)

Todos os posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa Cookies

Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. 

Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies e nossa Política de Privacidade.