Guia Brasileiro de Ocupações é lançado pela OIT e Ministério do Trabalho

Foto da carteira de trabalho, estilizada, e sobreposição do título Guia Brasileiro de Ocupações.
Descrição da imagem #PraCegoVer: Arte colorida, com foto e sobreposição do título “Guia Brasileiro de Ocupações”, centralizado à esquerda, preenchido com a bandeira do Brasil. Abaixo, na cor branca, os nomes: “Ministério do Trabalho e Previdência e Organização Internacional do Trabalho”. Na fotografia aparece uma mão segurando a carteira de trabalho. No lugar do brasão da república, na capa da carteira, o símbolo internacional de acessibilidade. (Foto: Editada. Créditos: Ana Volpe/Agência Senado)

Inédito no país, o Guia Brasileiro de Ocupações é uma ferramenta online com características das profissões do mercado e servirá ainda para orientar estudantes

O Ministério do Trabalho e Previdência e a Organização Internacional do Trabalho (OIT) lançaram, na quarta-feira (23), o Guia Brasileiro de Ocupações , que apresenta informações atualizadas, características e principais indicadores das 2.609 ocupações existentes no mercado de trabalho brasileiro

Com informações quantitativas e qualitativas, o Guia traz um painel exclusivo sobre habilidades e comportamentos requeridos de trabalhadores e as características de cada ocupação no mercado assalariado formal de trabalho.

Índice do conteúdo


Boa leitura!

Publicidade

Apresentando o Guia

O Guia, que utiliza registros administrativos oficiais do Ministério do Trabalho e Previdência, como o RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) e o novo Caged (Cadastro Geral de  Empregados e Desempregados), poderá auxiliar gestores de políticas públicas e do setor privado no mapeamento da tendência das ocupações em qualquer um dos 5.570 municípios brasileiros, por meio de informações como perfil do trabalhador(a), remuneração média, mercado de trabalho, distribuição geográfica e histórico das vagas, tipo de mão de obra disponível em uma determinada região, assim como disponibilidade de vaga para menor aprendiz para uma determinada ocupação.

Para o Secretário de Trabalho, Luis Felipe Batista de Oliveira, a compreensão sobre a realidade das ocupações favorece a tomada de decisões dos participantes no mercado de trabalho. “Este lançamento evidencia o comprometimento do Ministério do Trabalho e Previdência com a disseminação de informações sobre o mercado de trabalho para a sociedade em geral”, afirma Oliveira.

“O Guia Brasileiro de Ocupações é fruto de uma exitosa cooperação técnica entre as equipes da OIT e do Ministério do Trabalho e Previdência. O guia oferece a governos, organizações de empregadores e de trabalhadores, assim como à sociedade brasileira, uma ferramenta inovadora de múltiplos conteúdos e usos, que também servirá de referência para outros países.”, avalia Martin Hahn, diretor do Escritório da OIT no Brasil.

Publicidade

Painéis de pesquisa

O Guia Online, lançado inicialmente em versão para computador, é composto por dois painéis de pesquisa que serão continuamente atualizados e que foram construídos com uma navegação intuitiva e acessível para todos os públicos. 

  • Características das Ocupações 

O painel “Características das Ocupações ” apresenta as descrições de cada ocupação do Guia, além das atividades que são realizadas, os conhecimentos, atitudes e habilidades tipicamente requiridos de cada ocupação que consta atualmente no Guia. É voltado para a natureza e o conteúdo das ocupações; 

  • Ocupações e o Mercado de Trabalho

O segundo painel, “As Ocupações e o Mercado de Trabalho Assalariado Formal “, descreve a realidade dos trabalhadores no exercício de suas ocupações no mercado de trabalho. Apresenta informações como a quantidade de trabalhadores registrados no mercado formal assalariado que desempenham a ocupação, salário médio, perfil sociodemográfico (a exemplo de sexo, idade, cor ou raça) distribuição geográfica, perfil das empresas e organizações contratantes, histórico de vagas, entre outros dados.

Exemplo em números

Tomando a ocupação de Auxiliar de Contabilidade como exemplo, o Guia informa que existem hoje no Brasil 205.458 profissionais ativos, com remuneração média em 2020 de R$ 2.360,84, tendo havido ainda um crescimento de 11.786 postos de trabalho em 2021. O usuário saberá que 68,95% das profissionais dessa ocupação são mulheres, com predominância da faixa etária de 30 a 39 anos e distribuição em todo o território nacional, especialmente nas regiões sudeste e sul. E mais: descobrirá que foram ofertadas, em 2021, 3.618 vagas para auxiliar de contabilidade no sistema público de emprego. E que, dentre os principais conhecimentos necessários ao exercício da profissão, estão “noções de contabilidade de custos” e “normas contábeis”.

Jornalista Inclusivo
Jornalista Inclusivo

Da Equipe de Redação

Deixe um comentário