Mulher negra olhando para o texto, à esquerda: “Libras, perfil de G-TILS/RJ, pessoas tradutoras, intérpretes e guias”. Sobre o nome da Língua Brasileira de Sinais, está a tradução em Libras, ilustrando o mapeamento de intérpretes de Libras no Rio de Janeiro.
Segundo a AGITE-RJ, associação responsável pelo levantamento em nível estadual, o mapa de intérpretes de Libras tem o objetivo de conhecer o perfil de G-TILS e contribuir para o futuro da categoria. (Foto: WayHomeStudio)

Perfil de G-TILS: Mapa de intérpretes de Libras no Rio de Janeiro

Segundo a AGITE-RJ, associação responsável pelo levantamento em nível estadual, o mapeamento de intérpretes de Libras tem o objetivo de contribuir para o futuro da categoria.

0 Comentário
Imagem de capa da matéria “Hand Talk anuncia tecnologia inovadora no mercado de acessibilidade digital”. Descrição detalhada na legenda.
Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem de capa da matéria Hand Talk anuncia tecnologia inovadora no mercado de acessibilidade digital. Na fotografia, uma pessoa está sinalizando em Libras, a Língua Brasileira de Sinais, em que o Hand Talk Motion faz o reconhecimento e traduz para o português. No canto esquerdo superior está a bandeira do Brasil e o nome Libras. No direito, o logo Hand Talk. No rodapé, sobre uma faixa mais escura, a frase “Nós da Hand Talk imaginamos fazer juntos um futuro mais acessível”, reconhecida pela tecnologia anunciada. Créditos: Reprodução/YouTube

Hand Talk anuncia tecnologia inovadora no mercado de acessibilidade digital

Hand Talk anuncia tecnologia inovadora no mercado de acessibilidade digital. Através da Inteligência Artificial, o Hand Talk Motion faz o reconhecimento de movimentos em línguas de sinais.

1 Comentário
Imagem de capa ilustrando o texto “Projeto Se Coloca No Meu Lugar mostra a dificuldade dos surdos na pandemia em Mauá”. Descrição detalhada na legenda.
Descrição da imagem #PraCegoVer: Imagem de capa ilustrando o texto “Projeto Se Coloca No Meu Lugar mostra a dificuldade dos surdos na pandemia em Mauá”. Fotografia em área externa, com duas pessoas dialogando através da Libras (Língua Brasileira de Sinais). A pessoa que está de frente é um homem branco de cabelos pretos curtos. Ele usa roupa cinza e máscara de proteção transparente, indicada por não prejudicar a leitura labial por pessoas surdas ou com deficiência auditiva. A outra pessoa está de costas. Créditos: Kemal Yildirim/Getty Images

Projeto ‘Se Coloca No Meu Lugar’ mostra a dificuldade dos surdos na pandemia em Mauá

Com a máscara se tornando objeto indispensável em nossas vidas, por conta da pandemia da COVID-19, os surdos se viram diante de uma realidade muito séria. Como eles não conseguem fazer a leitura labial das pessoas, o ato de se comunicar se tornou uma tarefa bastante complicada. Pensando nisso, a APASMA (Associação de Pais e Amigos dos Surdos de Mauá), em parceria com o Mauá Plaza Shopping, realiza a experiência inclusiva chamada “Se coloca no meu lugar”, com funcionários da empresa e clientes que estiverem visitando o local.

0 Comentário
Quatro colegas, um deles cadeirante, ilustra “BBC News aborda capacitismo em reportagem”
Descrição da imagem #PraCegoVer: Fotografia colorida, em ambiente interno, ilustrando o texto “BBC News aborda capacitismo em reportagem”, com o título na parte inferior: CAPACITISMO (em caixa alta, na cor azul), e o subtítulo: No dia a dia da pessoa com deficiência (em caixa baixa, na cor laranja e azul). Na imagem, quatro estudantes reunidos. À esquerda, mulher branca de cabelos loiros, sentada e fazendo anotações. Ao seu lado está um homem negro, também sentado, cumprimentando outro jovem branco em cadeira de rodas, com livros no colo. Empurrando a cadeira há uma mulher de cabelos cacheados. Todos usam máscara hospitalar. Na lateral direita, o logo da BBC News. Créditos: AdobeStock/ Edited JI

BBC News aborda capacitismo em reportagem

A BBC News, do Reino Unido, publicou matéria sobre o Capacitismo, evidenciado como “algumas expressões que usamos no dia a dia discriminam as pessoas com deficiência”, como mostra a publicação em português, da BBC News Brasil.

0 Comentário
Banner de divulgação, Sympla, ilustra Arte Acessível em Libras: Cursos digitais e gratuitos
Descrição da imagem #PeaCegoVer: A notícia “Arte Acessível em Libras: Cursos digitais e gratuitos” é ilustrado por uma arte com o seguinte texto: Transversalidades e Escrita Criativa. Aproximação para formação de educadores. Acessível em Libras. Com Luiza Christov - quarta, 10 de março, 19h. Participação gratuita, classificação livre. Na lateral direita, dentro de um círculo, a fotografia da profissional que ministra o curso, mulher branca com cabelos pretos curtos. Créditos: Reprodução/Sympla

Arte Acessível em Libras: Cursos digitais e gratuitos para educadores

Para garantir a acessibilidade, a inclusão e a ampla democratização e acesso à cultura, o *Programa CCBB Educativo – Arte & Educação realiza atividades que contribuem com um ambiente propício à pesquisa e à criação. Para acolher e oferecer uma experiência compartilhada para surdos e pessoas com deficiência auditiva, neste mês de março, são realizados os cursos ‘Transversalidades’, que será dividido em duas aulas, nos dias 10 e 24, e “Processos Compartilhados”, no dia 18.

0 Comentário
Diretor-Geral da Organização Mundial da Saúde, 1 em 4 pessoas terão perda auditiva até 2050 - Créditos: UN Photo / Elma Okic
Descrição da imagem #PraCegoVer: Ilustra o texto "1 em 4 pessoas terão perda auditiva até 2050" a fotografia do Diretor-Geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus. Homem negro de cabelos grisalhos e bigode. Usa óculos de grau, terno e gravata. Foto tirada em 18 de maio de 2018, durante Conferência de Imprensa da República Democrática do Congo, pelo surto do vírus Ebola, no Escritório da ONU em Genebra, Palais des Nations. Créditos: UN Photo / Elma Okic

1 em 4 pessoas terão perda auditiva até 2050, alerta OMS

Como adiantamos ontem, 2 de março de 2021, a Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou o seu primeiro Relatório Mundial sobre Audição, em Genebra, Suíça, com dados preocupantes e um apelo global aos governantes. A publicação alerta que pelo menos 2,5 bilhões de pessoas em todo o mundo ─ 1 em cada 4 pessoas ─ terão algum grau de perda auditiva até 2050.

1 Comentário
Homens negros dialogo em Libras, Dia Mundial da Audição 2021 - OMS
Descrição da imagem #PraCegoVer: Ilustra reportagem do Dia Mundial da Audição 2021, fotografia com dois homens negros conversando através da Libras. Do lado esquerdo da fotografia, um homem de camisa manga comprida, azul clara, barba e cabelo black está lateralizado, de frente a outro homem de cabelo raspado, que está sorrindo. Ele usa camisa branca e agalho cinza claro. No rodapé foi inserida uma linha colorida simulando um gráfico de ondas sonoras. Créditos: Foto ShutterStock /Edição JI

Dia Mundial da Audição 2021: OMS faz apelo Global

Quase 2,5 bilhões de pessoas em todo o mundo ─ ou 1 em cada 4 pessoas ─ viverão com algum grau de perda auditiva até 2050, alerta o primeiro Relatório Mundial sobre a Audição divulgado hoje (2) pela OMS, em Genebra, Suíça. Pelo menos 700 milhões de pessoas precisarão de acesso a cuidados auditivos e de reabilitação, a menos que sejam tomadas medidas.

3 Comentários
Lucas Cabral e a enfermeira Jéssica para o texto sobre a importância do atendimento em Libras
Descrição da imagem #PraCegoVer: Ilustra a matéria "A importância do atendimento em Libras nos Hospitais", a fotografia do Lucas Cabral e da enfermeira Jéssica, do Hospital Casa de Saúde Guarujá – antigo Hospital Don Domenico. Lucas é um homem branco de cabelos curtos e pretos. Usa máscara hospitalar vermelha e camiseta de gola polo, cor vinho. Jessica é uma branca de cabelos pretos. Usa máscara hospitalar branca, jaleco branco e uniforme azul. Os dois estão fazendo sinal em Libras (Língua Brasileira de Sinais) que significa “Eu te amo”. Créditos: Reprodução/Facebook

A importância do atendimento em Libras nos Hospitais

Na contramão de tudo o que estamos vivendo em consequência a pandemia da COVID-19, ainda há coisas boas acontecendo pelo mundo, reacendendo a esperança na humanidade. É o que mostra essa notícia, que muito além da empatia e amor ao próximo, faz um alerta: Todo profissional da saúde deve ser capacitado na Língua Brasileira de Sinais (Libras).

0 Comentário
Magalu agora é acessível em Libras
Descrição da imagem #PraCegoVer: Ilustração da notícia “Magalu agora é acessível em Libras” é uma arte colorida com fundo azul do logo Magalu, na metade superior da imagem. Logo abaixo do nome da loja, escrito em branco, há uma barra colorida com varias cores. Nos dois lados da marca aparecem os ícones de deficiência auditiva e da Libras, ambos customizados com as cores da barra. Logo abaixo está escrito em fonte branca “Acessível em Libras”. Na metade inferior da arte aparece a foto de duas mãos fazendo sinais da Libras para outras pessoas que aparecem em segundo plano. No lado direito do rodapé está a marca Pessoalize, responsável pelo serviço do atendimento na Língua Brasileira de Sinais. Créditos: Shutterstock/ Ass. Pessoalize/ Edição JI

Magalu agora é acessível em Libras

O Magalu, ecossistema de varejo multicanal, anuncia um novo canal de atendimento exclusivo em Libras. A iniciativa, em parceria com a startup Pessoalize, tem como objetivo facilitar o acesso à informação e atuar de forma resolutiva e direta com a comunidade surda que faz uso da Língua Brasileira de Sinais.

4 Comentários
VAGAS.com abraça acessibilidade em Libras
Descrição da imagem #PraCegoVer: Fotografia ilustra o texto VAGAS.com abraça acessibilidade em Libras. Mulher preta segurando o celular, em uma página do site Vagas.com.br, com a imagem da Maya, tradutora virtual de Libras da Hand Talk. Na frente da pessoa com o celular tem um computador laptop que está na pagina principal do site de empregos, onde também aparece a Maya. Créditos: Freepik.com/ Designed by rawpixel.com/ Edição JI

VAGAS.com abraça acessibilidade em Libras

A plataforma VAGAS.com, líder em soluções tecnológicas de recrutamento e seleção, acaba de lançar recurso de tradução de Libras (Linguagem Brasileira de Sinais). A companhia passa a oferecer o serviço às pessoas surdas por meio de parceria firmada com a Hand Talk, empresa especializada na tecnologia de Libras.

4 Comentários

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar