Curso gratuito, Como Ter Sucesso em um Processo Seletivo tem inscrições até 30/11

Foto colorida com sobreposição do título Como Ter Sucesso em um Processo Seletivo. Homem branco em cadeira de rodas trabalhando com laptop.
Descrição da imagem #PraCegoVer: Arte com foto colorida e sobreposição de título, na lateral esquerda. Texto: Como Ter Sucesso em um Processo Seletivo. Fotografia mostra quatro pessoas em ambiente te trabalho, lado a lado, em uma mesa com computadores. Em destaque está um homem branco, com cabelos pretos, sentado em cadeira de rodas. Usa camisa, gravata e calça social. Utiliza um notebook. Ao seu lado, em segundo plano há duas mulheres utilizando fones de ouvido, tipo headset, utilizado em telemarketing. Entre elas há uma pessoa em pé. Créditos: Pixabay/Edição

Exclusivo para quem já está em processo seletivo ou empregado e busca orientação para ter sucesso

Realizado pelo Instituto Ester Assumpção e o Grupo Voitto, o curso Como Ter Sucesso em um Processo Seletivo é focado no desempenho da pessoa com deficiência em entrevistas de emprego

Estar preparado para uma entrevista de emprego é o primeiro grande passo para buscar uma oportunidade de trabalho. No entanto, nem sempre as pessoas sabem, de fato, sobre quais caminhos seguir para ter sucesso em um processo seletivo. Pensando nesse público, o Instituto Ester Assumpção, que trabalha em prol da inclusão da pessoa com deficiência, em parceria com o Grupo Voitto – escola de negócios que formou mais de 200 mil alunos de 113 países, realiza o curso ‘Como Ter Sucesso em um Processo Seletivo’.

A capacitação voltada a pessoas com deficiência é totalmente gratuita e as inscrições estão abertas somente até terça-feira, dia 30 de novembro

De acordo com Cíntia Santos, psicóloga e coordenadora de projetos do Instituto Ester Assumpção, a capacitação direciona o candidato na busca de uma oportunidade no mercado de trabalho:

“Um dos pontos fortes do curso ‘Como Ter Sucesso em um Processo Seletivo’ é que a pessoa vai reconhecer seus pontos fortes e fracos. Fora isso, vai saber a importância do autoconhecimento, de buscar uma vaga com o seu perfil e, sobre como montar um currículo da forma mais correta e atrativa, diz a especialista, que também comentou sobre formas de agir no processo seletivo.

Foto colorida com sobreposição do título Inscrições somente até o dia 30 de novembro. Homem negro em cadeira de rodas trabalhando.
Descrição da imagem #PraCegoVer: Arte com foto colorida e sobreposição de frase, na lateral direita. Texto: Inscrições somente até o dia 30 de novembro. Fotografia mostra um homem negro, com cabelos pretos, sentado em cadeira de rodas. Usa camiseta, casaco e óculos de grau. À sua frente, há uma pessoa, em segundo plano, para quem está olhando e sorrindo. Atrás do cadeirante há uma grande janela de vidro. Créditos: Shutterstock/Edição

Ainda de acordo com a Cintia, a pessoa que participar da capacitação ganhará oportunidade de adquirir outras aptidões para participar de um processo seletivo. No entanto, ela salienta que o curso poderá ser feito por quem já está em alguma seleção de emprego e, até mesmo, é da área de RH.

“Nessa capacitação a pessoa será treinada para usar técnicas de linguagem corporal, técnicas de PNL (programação neurolinguística), fora que vai aprender também a cuidar da sua imagem, responder com firmeza e segurança qualquer pergunta e reconhecer se a vaga é para o perfil dela. Lembro que ele vale para quem está em um processo seletivo ou empregado. Serve também para quem tem um bom desempenho em processos seletivos, é um profissional liberal ou mesmo é da área de RH. Assim, o curso tem como foco ajudar pessoas que precisam de orientação para ter sucesso”, conclui.

SOBRE O INSTITUTO

Fundado no ano de 1987, o Instituto Ester Assumpção é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos criada por Ester Assumpção, educadora nacionalmente conhecida pelo caráter pioneiro e inovador no campo da educação. A instituição atua no campo da inclusão da pessoa com deficiência e tem como foco contribuir para a construção de uma sociedade mais inclusiva, onde a diversidade seja aceita e respeitada na sua integralidade. As principais frentes de atuação são a qualificação e inserção de pessoas com deficiência no mercado de trabalho e a consultoria para que as organizações se adequem e cumpram o papel social de promover a inclusão.

SERVIÇO:

LINKS ÚTEIS:

Deixe um comentário